sexta-feira, 3 de junho de 2022

Caravana Parceria mais Forte anuncia implantação de unidade de beneficiamento de licuri no Vale Jiquiriçá



A Caravana Parceria Mais Forte Juntos para Alimentar a Bahia chegou ao território de identidade Vale do Jiquiriçá, nesta terça-feira (31), em Amargosa, onde foi autorizada a execução de um convênio entre a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e a Associação dos Produtores e Produtoras da Agricultura Familiar do Ouricuri, da região do Jatobá, do município de Milagres.

 A Associação está sendo contemplada, por meio do projeto Bahia Produtiva, da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR/SDR), com a implantação de uma Unidade de Processamento de Licuri, que inclui obra civil e aquisição de máquinas e equipamentos, entre outras ações. Os investimentos são da ordem de R$ 355 mil.

“Estamos implantando o sistema de produção do azeite de licuri, em parceria com o Governo do Estado, por meio do edital do Bahia Produtiva, e isso nos traz geração de emprego e renda, empoderamento das mulheres, as quebradeiras do licuri da comunidade e também fortalece o município, o Vale do Jiquiriçá, tendo esse produto e também a preservação da palmeira”, ressalta Antônio Neto, presidente da Associação dos Produtores e Produtoras da Agricultura Familiar do Ouricuri, da região do Jatobá.

O projeto Bahia Produtiva é uma das diversas ações desenvolvidas no território Vale do Jiquiriçá, por meio da SDR e apresentadas durante a Caravana. No território, onde se destacam os sistemas produtivos do cacau, da mandioca, do maracujá, caprinos e ovinos, o governo estadual aplica recursos também na prestação do serviço de assistência técnica e extensão rural (Ater), implantação de sistemas de abastecimento de água e de tecnologias sociais de acesso à água, pagamento do seguro Garantia-Safra, na construção de habitações rurais, na mecanização rural para limpeza de aguadas e preparação de terras e para a implantação do Serviço de Inspeção Municipal (SIM), dentre outras.

De acordo com José Tosato, coordenador de Pesquisa, Inovação e Extensão Tecnológica (Cepex), que junto com outros dirigentes da SDR, fizeram um balanço das principais ações desenvolvidas pela Secretaria, no Vale do Jiquiriçá, nas  Caravanas são aprofundadas as realidades locais, e são trabalhados os temas a partir das informações sobre todas as ações que vêm sendo realizadas pela SDR, desde 2015, recebendo o retorno, as impressões das comunidades, que trazem outra sensibilidade, porque, segundo Tosato, cada local tem a sua própria identidade.

“Um desses exemplos é o projeto da Associação dos Produtores e Produtoras da Agricultura Familiar do Ouricuri, da região do Jatobá, do município de Milagres, que foi selecionada por meio de um edital voltado para a conservação e uso sustentável da sociobiodiversidade, a partir de um reconhecimento que a SDR precisava avançar nessa questão, e esse edital está sendo extremamente importante. A ação vai melhorar diretamente a vida de 40 famílias dessa comunidade, que vai trabalhar com o licuri, contando com uma grande oferta de licurizais nesse território e conta ainda com o apoio do Instituto Federal Baiano (IFBaiano), por meio do professor Aurélio, gerando um encontro dos conhecimentos tradicionais e técnico-científico”, destaca o coordenador da Cepex.


Sobre a Caravana

A iniciativa é da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural (SDR) e tem o objetivo de apresentar à sociedade baiana, nos 27 territórios de identidade, as ações que vêm sendo executadas pelo Governo do Estado para a agricultura familiar, com recursos da ordem de R$ 2,9 bilhões, sendo aplicados no período de 2015 até o fim de 2022.

A Caravana visa ainda consolidar e ampliar essas ações, para fortalecer ainda mais a agricultura familiar e a economia dos municípios baianos e promover maior articulação entre os mais diversos agentes sociais, que executam políticas públicas voltadas para o desenvolvimento rural