Mostrando postagens com marcador chuvas. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador chuvas. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2022

Reunião discute liberação de crédito emergencial para empreendedores afetados pelas chuvas



O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) e da Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia), recebeu 3.314 solicitações de crédito emergencial de empreendedores baianos afetados pelas chuvas no final do ano passado. Desse total, já foram liberados 500 pedidos, um montante de aproximadamente R$ 13 milhões.

terça-feira, 1 de fevereiro de 2022

Em Ilhéus, Governo do Estado trata com embaixador da União Europeia da liberação de R$ 6 milhões para afetados pelas chuvas na Bahia



A liberação de recursos da ordem de R$ 6,3 milhões, providos pelos fundos de emergência da União Europeia para apoiar a população afetada pelas fortes chuvas que atingiram os estados da Bahia e Minas Gerais no início deste mês, foi discutida nesta segunda-feira (31), em Ilhéus, durante reunião entre uma comitiva do governo do estado liderada pelo vice-governador João Leão, secretário do Planejamento, o embaixador da União Europeia no Brasil, Ignacio Ybáñez, e representantes da Rede Cáritas. Além de Ilhéus, Itabuna, Itajuípe, Itamaraju, Jucuruçu e Dario Meira, na Bahia, além de Palmópolis e Rio do Prado, Minas Gerais, serão beneficiados.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2022

Governo do Estado firma convênios para construção de moradias e entrega equipamentos a municípios afetados pelas chuvas



O governador Rui Costa assinou nesta segunda-feira (17), no Parque de Exposições de Salvador, convênios com seis municípios atingidos pelas chuvas de dezembro de 2021 para a construção de casas, por meio do Programa Bahia Minha Casa. A ação é parte da determinação de dar prioridade e rapidez aos projetos de reconstrução das áreas afetadas pelas enchentes. O trabalho será uma parceria entre as secretarias estaduais de Desenvolvimento Urbano (Sedur), via Companhia de Desenvolvimento Urbano (Conder), e de Relações Institucionais (Serin). Têm prioridade no atendimento as famílias desabrigadas em municípios que elaboraram os cadastros de moradores de bairros destruídos pelos temporais.

sexta-feira, 7 de janeiro de 2022

Centro-oeste: Sema e Inema alertam para a possibilidade de fortes chuvas neste final de semana



Dando continuidade ao monitoramento meteorológico dos municípios atingidos pelas fortes chuvas de dezembro, a Sala de Situação do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) detectou a possibilidade do retorno de chuvas intensas na região do Centro-oeste baiano, neste final de semana. 

As condições de tempo se manterão instáveis em toda a região. A combinação de um vórtice ciclônico em altos níveis localizado no oceano e a convergência de umidade oriunda da Amazônia proporcionam uma maior convecção de umidade em superfície, favorecendo assim a formação de nuvens denominadas cumulonimbus, que são aquelas de grande desenvolvimento vertical e que são capazes a faixa de 08 km de altitude, podendo provocar descargas elétricas e trovoadas. 

Sendo assim, o tempo deverá ficar chuvoso no setor centro-oeste com chuvas de intensidade fraca a forte pelos próximos três dias, a contar da data de hoje (07/01/2022). Tais informações servem de alerta para os municípios da região acionarem as defesas civis estadual e municipais para adoção das medidas de segurança para a população.


Vistorias Técnicas

Desde dezembro do ano passado, a Sema e o Inema, em conjunto com os órgãos de Proteção e de Defesa Civil, tanto estadual quanto municipal, iniciaram uma operação de fiscalização específica para monitoramento e avaliação de barragens objeto de denúncias e em municípios listados nos alertas meteorológicos do Instituto.

Foram realizadas, ainda em dezembro, mais de 50 vistorias técnicas nas barragens e/ou açudes das regiões Sul, Extremo-Sul e Sudoeste. Durante as ações, foram identificados barramentos de terra (pequeno porte) em situação crítica, com níveis do reservatório no limite ou até mesmo em galgamento (transbordamento), além de problemas estruturais e de manutenção.

Neste momento, com a previsão de fortes chuvas para o centro-oeste, a Sema e o Inema têm mobilizado as equipes técnicas, preferencialmente, para a região, a fim de verificar a possível existência de barragens que figuram no espaço da clandestinidade. Segundo o meteorologista Mauro Bernasconi, “já havia incidência de chuvas fortes no Centro-oeste desde o início de dezembro, mesmo se tratando de uma região que sofre impactos diferenciados, se comparado com a região Sul, decorrente dos seus solos e rios”, explicou.

segunda-feira, 27 de dezembro de 2021

Monitoramento da situação de 31 rodovias estaduais é realizado pela Seinfra



Chega a 31 o número de trechos de rodovias baianas afetadas pelas fortes chuvas deste mês de dezembro. A ação de monitoramento sobre a situação dos pontos atingidos continua sendo realizada pelo Governo da Bahia, por meio da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra). Seis ocorrências novas foram registradas nas regiões do Sudoeste do estado, na BA-632, do Oeste, nas BAs 465 e 447, do Vale do Jiquiriçá, na BA-540, e do Médio Rio de Contas, na BA-549, nesta segunda-feira (27).

No sudoeste baiano, o tráfego de veículos está interditado na BA-632, do distrito de Inhobim, em Vitória da Conquista, até Encruzilhada devido a um deslizamento de terra ocorrido nesta segunda-feira (27). Na BA-549, o trânsito entre o distrito de Itaibó, em Jequié, e Baixa Alegre foi interrompido no último domingo (26) por conta de rompimento de aterro de um dos encontros da ponte. Uma alternativa para o motorista que deseja chegar à localidade é utilizar a BA-548, que liga os entroncamentos da BR-330, próximo à Jitaúna, e a BA-549. A passagem de automóveis pela BA-263, na região da Serra do Marçal, entre Vitória da Conquista e Itambé, foi liberada em meia pista nesta segunda-feira (27), após a limpeza da pista, que havia sido bloqueada por causa de deslizamento de terra.

sábado, 25 de dezembro de 2021

Chuvas na Bahia : Rui determina instalação de base de apoio em Ilhéus



O governador Rui Costa determinou, na manhã deste sábado (25), a instalação de uma base de apoio no município de Ilhéus. O objetivo é otimizar os esforços no sentido de ajudar as cidades que sofrem com fortes chuvas nas regiões Sul, Sudoeste e Extremo Sul. Ao menos 19 cidades estão sendo atingidas. Rui reuniu secretários, Defesa Civil Estadual e Corpo de Bombeiros com o objetivo de agilizar as primeiras ações, principalmente a recuperação de serviços essenciais.

Chuvas na Bahia : Rui determina instalação de base de apoio em Ilhéus



O governador Rui Costa determinou, na manhã deste sábado (25), a instalação de uma base de apoio no município de Ilhéus. O objetivo é otimizar os esforços no sentido de ajudar as cidades que sofrem com fortes chuvas nas regiões Sul, Sudoeste e Extremo Sul. Ao menos 19 cidades estão sendo atingidas. Rui reuniu secretários, Defesa Civil Estadual e Corpo de Bombeiros com o objetivo de agilizar as primeiras ações, principalmente a recuperação de serviços essenciais.

sábado, 18 de dezembro de 2021

Ações do Governo do Estado em apoio a prefeituras fazem cair número de desabrigados e desalojados pela chuva na Bahia



O número de pessoas que estavam fora das suas casas em razão das chuvas intensas na Bahia, desde o início de novembro deste ano, começa a cair. A informação é da Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado (Sudec) que contabilizou, neste sábado (18), 4.453 desabrigados e 15.483 desalojados.

O superintendente do órgão , Cel BM Miguel Filho, explicou que “continuarão a ocorrer mudanças significativas nos dados, uma vez que o Governo do Estado está trabalhando diariamente para restabelecer o cenário e trazer a normalidade para a população, especialmente para as famílias mais afetadas”.

Estado segue oferecendo apoio à população do Sul e Extremo Sul; Corpo de Bombeiros realiza troca de turno e renova operação na região



As operações de apoio aos municípios e à população atingidos pelas fortes chuvas no Sul e Extremo Sul da Bahia continuam, resgatando pessoas com problemas de saúde, levando alimentos para regiões isoladas ou ilhadas, e possibilitando a aquisição de documentos perdidos nas enchentes, em diversos municípios. Os servidores do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia são uma das forças mais importantes desse trabalho. Nesta sexta-feira (17), foi realizada mais uma troca de turno, e cerca de 60 bombeiros voltaram para casa. Enquanto isso, outros 60 chegaram a Itamaraju, onde está instalado o Gabinete Avançado do Governo do Estado.

quinta-feira, 16 de dezembro de 2021

Secretária visita cidades afetadas pela chuva no Extremo Sul; força-tarefa atua na reconstrução de áreas



Ontem, quarta-feira (15), a secretária da Saúde da Bahia, Tereza Paim, visitou os municípios de Jucuruçu, Coqueiro e Nova Alegria – distrito que foi completamente destruído pela ação das chuvas dos últimos dias. O Governo do Estado montou uma força-tarefa, em Itamaraju, no Extremo Sul da Bahia, para auxiliar os milhares de moradores afetados. Além da sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que passou a funcionar como gabinete avançado, o ginásio do Colégio Estadual São João Evangelista foi transformado em ponto de apoio para a distribuição de comida, remédios e suprimentos para cidades vizinhas.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2021

Governo do Estado avança nas ações para atender vítimas das enchentes no sul e extremo sul



Em continuidade às ações do gabinete avançado do Governo do Estado no sul e extremo sul da Bahia, a Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) e o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) levaram suprimentos a oito aldeias indígenas da região nesta quarta-feira (15).

Foram entregues mais de 500 cestas básicas, em ação com a presença da titular da Sepromi, secretária Fabya Reis, que visitou duas aldeias na zona rural do município de Prado e se reuniu com caciques locais para ouvir as demandas da comunidade. Os alimentos foram entregues nas aldeias Cahy Pequi, Craveiros, Nova Coroa, Mata Medonha, Agricultura, Jitaí e Aldeia Velha.

Governo do Estado inicia triagem para reconstrução de casas destruídas pela chuva e Desenbahia oferece atendimento a interessados em linha de financiamento especial



Equipes das coordenações Social e de Engenharia da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder) continuam em campo nas áreas afetadas pelas fortes chuvas no Extremo Sul baiano. O trabalho iniciado na manhã desta quarta-feira (15) inclui a triagem para a construção e reconstrução de imóveis afetados pelas chuvas, conforme decisão durante reunião no gabinete avançado do Governo do Estado instalado na cidade de Itamaraju.

O objetivo é estabelecer o perímetro de áreas afetadas em cada uma das localidades para levantar o número de residências total ou parcialmente destruídas. Cerca de 20 agentes das duas áreas foram distribuídos em equipes que começaram o trabalho pelo distrito Nova Alegria, em Itamaraju, e pela cidade de Jucuruçu. Os dois municípios estão entre as áreas mais destruídas pela chuva.

terça-feira, 14 de dezembro de 2021

Rui anuncia doação da Coelba de 500 geladeiras para vítimas das chuvas na Bahia



Mais 500 geladeiras foram doadas às vítimas das enchentes na Bahia, desta vez pela Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia, a Coelba, do Grupo Neoenergia. O anúncio foi feito pelo governador Rui Costa, na manhã desta terça-feira (14), em vídeo publicado nas redes sociais. "Nós já havíamos dito e vamos repetir: vamos garantir esses utensílios básicos a todas as famílias de baixa renda que perderam seus bens para que eles possam voltar para suas casas", afirmou o governador, que enviou à Assembleia Legislativa, na noite de ontem (13), Projeto de Lei que prevê a compra desses itens pelo Governo do Estado para as vítimas das chuvas na Bahia. Esta compra será somada às doações que já estão sendo feitas pelo setor privado.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2021

Governo do Estado conclui ações emergenciais no KM 17 da BA-284, entre Itamaraju e o distrito de Alho



O tráfego de veículos, como caminhões e ônibus, na rodovia já foi autorizado

Os serviços emergenciais para a restauração da pista do KM 17, próximo ao acesso ao distrito de São Paulino, que liga o entroncamento da BR-101, em Itamaraju, ao distrito de Alho, foram concluídos neste domingo (12). Após autorizar o tráfego para motos e carros, a Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) permitiu a passagem de ônibus e caminhões pelo trecho da rodovia a partir da manhã de hoje. O deslocamento está sendo feito pelo desvio provisório, construído ao lado da pista rompida devido às chuvas no Extremo Sul baiano.

sábado, 11 de dezembro de 2021

Estudantes de Direito querem adiamento da prova da OAB e relatam caos no extremo sul por causa das chuvas



Estrada interditada, ruas e casas de bairros alagadas, famílias desabrigadas e infraestrutura deteriorada em diferentes regiões do extremo sul da Bahia são alguns dos problemas enfrentados devido às fortes chuvas que caíram essa semana no estado. No entanto, outras questões também preocupam os moradores, principalmente os estudantes de Direito aptos a realizarem a prova da Ordem dos Advogados do Brasil, secção da Bahia (OAB-BA), neste final de semana. A prova da 2ª fase (prático-profissional) do Exame de Ordem Unificado está marcada para ser aplicada no domingo (12), em Teixeira de Freitas, um dos municípios com decreto de situação de emergência em vigência pelo governo estadual. Os universitários da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) e da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) alegam que não têm condições de irem para a prova.

quinta-feira, 9 de dezembro de 2021

Governo do Estado cria força tarefa para garantir ajuda a municípios atingidos pelas chuvas



As cidades baianas do extremo sul, região mais impactada pelos temporais, recebem apoio da Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado(SUDEC), que está em contato com as coordenações municipais de Defesa Civil para colher informações sobre as necessidades mais urgentes de cada localidade.

Entre as providências estão as orientações para a decretação de situação de emergência e a inscrição no sistema integrado de informações sobre desastres S2ID (da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil). Além disso, aeronaves do Grupamento Aéreo da Polícia Militar(GRAER) e da Casa Militar do Governo do Estado auxiliam no trabalho dos 40 agentes do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, lotados em Ilhéus, Porto Seguro e Teixeira de Freitas, que dão apoio às ações de socorro às famílias e animais afetados, especialmente nas cidades de Canavieiras, Itamaraju, Prado, Teixeira de Freitas e Jucuruçu.

segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Em Live prefeito e secretários tentam dar explicações a população de Canindé


A assessoria de comunicação da prefeitura de Canindé Francisco em Sergipe publicou um Card nas redes sociais anunciando que hoje às 15h30min haveria uma “Coletiva de imprensa” com a participação do prefeito Weldo Mariano e secretários.

Estiveram presentes ainda o vice-prefeito Joseildo Almeida, conhecido popularmente como Pank, os secretários de obras Rildo Joaquim, de agricultura Vitor da Mota, finanças Rose de Oliveira e o representante da SMTT - Superintendência Municipal de Transporte local.

sábado, 16 de outubro de 2021

Parece piada, mas não é! Ministério de Minas e Energia encomendou chuvas de Cacique Cobra Coral

O Ministério de Minas e Energia resolveu apelar para as entidades sobrenaturais e encomendar chuva para evitar um apagão no país.

A medida um tanto inusitada, chamou a atenção de todos que estão acompanhando os trabalhos ou melhor o desespero do governo em conter a crise hídrica no país.

E para esta missão desesperadora, apelaram para à paranormalidade e convocaram a médium Adelaide Scritori, que incorpora o espírito da entidade Cacique Cobra Coral. O pedido partiu do Ministro de Minas e Energia Bento Albuquerque, que solicitou que Osmar Santos, porta-voz da médium intermediasse essa solicitação.

Foto Reprodução

O trabalho da médium Adelaide é conhecido no meio político. Ela já trabalhou para o governo do Rio de Janeiro e do Estado de São Paulo.